Projeto Tocantins

Assalto e morte – coisa de cidade grande

Troca de tiros, perseguição policial e morte. Palm Springs está virando mocinha!

O caixa eletrônico de uma usina hidrelétrica foi roubado ontem por quatro homens armados que renderam seis vigias noturnos. Na fuga, levaram dois dos reféns e um carro da empresa. Ao deparar com a polícia, os assaltantes fugiram e um refém levou um tiro no pescoço.  Deixaram ali os reféns, o carro e o caixa eletrônico.

Os policiais fizeram uma varredura na zona rural e fecharam todas as estradas de terra. No final da tarde, um assaltante chegou ao hospital “todo peneirado”, segundo informações de enfermeiros. A polícia diz que ele morreu com três tiros.

Segundo testemunhas, um policial teria dito “descarreguei toda minha metralhadora e não acertei nenhum tiro!” – ainda bem que essa metralhadora não foi descarregada no refém, em quem os policiais atiraram pensando se tratar de um bandido.

Testemunhas ainda contam que a família do refém baleado foi agredida por policiais no hospital, e parte está presa até agora. Pastelão!

A propósito, já é o segundo assalto desse tipo em três meses. Estariaa região de Palm Springs virando rota deste tipo de quadrilha?

Anúncios
Projeto Tocantins

Assalto

Ontem por volta do meio-dia bandidos renderam os seis policiais militares do destacamento de Palm Springs e assaltaram o Banco do Brasil e o Bradesco. Teve até tiroteio, mas como os PM estavam rendidos, só os assaltantes atiravam. E dizem que era arma pesada. Na fuga, os assaltantes levaram quatro reféns: três PM e o gerente do BB.

Em seguida, fugiram no sentido Minacity e soltaram os reféns na estrada de terra a poucos quilômetros de Palm Springs.

Ainda não foi calculado o tamanho do prejuízo.

Aqui de casa eu só ouvi os tiros, mas achei que eram fogos…

Ufa! Ainda bem que não moro no centro… o centro é sempre mais violento…